Não deixe esta oportunidade passar, faça parte agora mesmo!

Faça parte do maior grupo de capacitação para Farmacêuticos em cursos de pós graduação, palestras, workshops e simpósios online

Nós não enviamos spam! fique tranquilo

ANVISA divulga novas orientações as Farmácias

ANVISA divulga novas orientações as Farmácias

A ANVISA divulgou no dia 11 de janeiro deste presente ano orientações novas de como proceder a realização de testes rápidos para a identificação do novo coronavírus nas farmácias.

Segundo a publicação prevê ainda recomendações também para a realização de vacinação nas farmácias do Brasil, considerando que elas estejam inseridas nas estratégias de campanhas de vacinação pelo Ministério da Saúde.

O documento é destinado as Farmácias bem como aos serviços de saúde sejam em âmbito público ou privado que tenham a permissão para realizarem estes testes.

Segundo a ANVISA, tais recomendações deve ser aplicada a toda equipe de farmácia para diminuir os riscos de exposição coronavírus para os pacientes durante a pandemia.

Como parte do sistema de saúde, as farmácias desempenham um papel importante na dispensação e fornecimento de medicamentos, administração de medicamentos, incluindo as vacinas e serviços de saúde ao público.

É importante garantir a função contínua das farmácias durante a pandemia da covid-19. Durante a pandemia, a equipe da farmácia pode minimizar o risco de exposição ao vírus que causa o covid-19 e reduzir o risco para os clientes usando os princípios de prevenção e controle de infecções e distanciamento social”

Nota Técnica ANVISA

Recomenda ainda a ANVISA o uso de testes para pesquisa de antígeno, como o RT-PCR e TR-Ag para diagnosticar a infecção aguda.

Ressalta que não é recomendado os testes rápidos para diagnosticar infecção aguda.

A estrutura recomendada

Para oferecer os exames por meio de colega de amostra do trato respiratório superior, como as feitas por meio de swab, devem seguir as recomendações de biossegurança em relação a estrutura.

Por exemplo, as farmácias deverão ter uma separação física dos corredores de acesso; as portas de acesso devem ser dupla com fechamento automático; possuir ar de exaustão não circulante e fluxo de ar negativo entre outra medidas.

Vacinação Recomendações

Caso ocorra nas farmácias como ponto de vacinação elas deverão assegurar requisitos mínimos para garantir a segurança e qualidade de conservação, aplicação e no monitoramento das vacinas, bem como a segurança do paciente.

“Neste quesito, de forma temporária e excepcional, as determinações sanitárias relacionadas à estrutura física podem ser flexibilizadas para as farmácias privadas durante este período da pandemia”.

Para mais notícias clique aqui. Fonte retirada esta matéria: Agência Brasil.

Não deixe esta oportunidade passar, faça parte agora mesmo!

Faça parte do maior grupo de capacitação para Farmacêuticos em cursos de pós graduação, palestras, workshops e simpósios online

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

About the Author

0 Comments

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *